Raíssa Torres

"Ela é uma moça de poses delicadas, sorrisos discretos e olhar misterioso. Ela tem cara de menina mimada, um quê de esquisitice, uma sensibilidade de flor, um jeito encantado de ser, um toque de intuição e um tom de doçura. Ela reflete lilás, um brilho de estrela, uma inquietude, uma solidão de artista e um ar sensato de cientista. Ela é intensa e tem mania de sentir por completo, de amar por completo e de ser por completo. Dentro dela tem um coração bobo, que é sempre capaz de amar e de acreditar outra vez. Ela tem aquele gosto doce de menina romântica e aquele gosto ácido de mulher moderna.” (CFA)

"Não precisamos ser definidos pelas ações que fizemos ou que deixamos de fazer no passado. Algumas pessoas se deixam controlar pelo arrependimento. Talvez seja um arrependimento justo, talvez não. É só alguma coisa que aconteceu. Supere"
Eu sou o número quatro.  (via inverbos)

(Source: negativar, via reacreditar)

— 1 week ago with 1309 notes
"A gente se esquece de ser a gente e passa a ser aquilo que os outros querem que sejamos. Foi aí que me perdi. Literalmente. Pois hoje não consigo ser eu mesma, nem mesmo sei quem sou para sê-lo. Sou parte dos que estão aqui e parte dos que partiram. Sou nada. Sou todos. Sou tudo, menos eu."
Ana Bardô  (via dois-versos)

(Source: longanimidades, via compositora-de-sonhos)

— 1 week ago with 195 notes